Vagas de emprego em Cuiabá 2020 – Onde procurar e Dicas para conseguir o emprego

Com a situação do país indo de mal a pior, o quadro dos desempregados não poderia ser diferente. Com quase 12% de desempregados e desocupados no Brasil, fica um pouco difícil entrar em um mercado que está saturado de competição.

Para cada vaga almejada existem outras dezenas de profissionais tão ou mais adequados para ela que está disputando diretamente a contratação. Isso faz com que não somente seja um ambiente muito menos saudável e imperdoável, seja também uma preocupação nacional.

Além do desemprego, o Brasil enfrenta dificuldades financeiras que desvalorizam a nossa moeda e fazem com que ajustes salariais e vantagens de trabalho, direitos e benefícios sejam escassos e muito desafiadores.

Ou seja, são milhares de pessoas procurando por oportunidades de emprego com baixos salários, desapropriação de direitos básicos de trabalho sob nome de “colaboração individual”, caso dos MEIs e trabalhadores autônomos, e uma concorrência acima de qualquer expectativa.

Infelizmente é preciso ganhar a vida nesse mercado e os boletos não vão deixar de aparecer porque você perdeu o emprego, sendo assim, separamos uma série de dicas e ferramentas que podem te ajudar a enfrentar esse mercado de trabalho acirrado e desafiador.

Onde procurar vagas em Cuiabá 2020?

Cuiabá, capital mato-grossense, conta, hoje em dia, com aproximadamente 12% de taxa de desemprego (2019). Esse dado aponta o que está claro em qualquer lugar do Brasil, está muito mais difícil de conseguir um emprego.

Então se você quer começar bem a sua busca, precisa saber onde procurar a vaga e como encontrar vagas que se encaixem no seu perfil e a internet está aí para te ajudar nisso.

Hoje em dia existe uma variedade absurda de sites de classificados, ofertas, redes sociais com foco profissional, então se você precisa achar um emprego, talvez nem precise sair de casa.

O Linkedin é um dos principais sites para encontrar vagas de trabalho e estar em contato com colegas, conhecidos, contatos e empresas do seu interesse. Ele permite realizar conexões entre profissionais e permite que você possa trabalhar seu networking pela internet.

Depois do Linkedin é possível encontrar várias opções governamentais como o SINE (Site Nacional de Empregos) que tem um banco de dados com grande parte das vagas de emprego divulgadas em todo o Brasil. O SINE é uma ótima opção para classificados e tem cadastro e utilização totalmente gratuitos.

Além disso, a internet possui milhares de sites de classificados particulares que lhe impulsionam e permitem uma maior visibilidade do currículo, em caso de assinatura de um dos pacotes do serviço. Também existem propostas e vagas em sites mais informais e menos confiáveis como a OLX e Mercado Livre.

E por último, o maior contratador de todos os tempos é a: indicação. Se você é alguém sociável e que conhece muita gente, provavelmente já sabe, mas, indicações e contatos são o seu bem mais valioso ao procurar oportunidades.

Esteja em contato com os profissionais da sua área, faça amizades e esteja presente socialmente em eventos e reuniões. Isso facilita muito na hora de indicar alguém para uma vaga recém aberta.

Como se destacar no mercado de trabalho?

Ser um profissional acima dos seus concorrentes é uma tarefa muito complicada e exigente em um mercado saturado de pessoas buscando vagas, mas ainda é possível. A começar pela qualidade do trabalho em si, que é uma exigência em qualquer situação, existem outras formas de se destacar dos demais.

Visual

Você já ouviu a frase “nunca julgue um livro pela capa”? Pois é. Apesar de ser uma frase que indica o contrário, normalmente, somos muito influenciados pela imediata percepção de outra pessoa assim que o conhecemos, por isso julgar alguém logo na primeira impressão normalmente não faz juz a quem a pessoa realmente é.

Isso pode ser usado e aplicado com eficácia em entrevistas e primeiros momentos quando se procura uma vaga de emprego. As roupas, o cabelo, o cheiro, o rosto, os olhos, as mãos, a voz e o jeito de falar, além da postura, são elementos muito perceptíveis e vão influenciar aquele que está avaliando a sua contratação. Sendo assim, estar visualmente impecável é essencial.

Currículo

A começar pelo óbvio: currículo ou portfólio. Este é o seu principal documento de apresentação para quaisquer oportunidades de trabalho que possam surgir. Ele demonstra, de forma organizada e visualmente atrativa, suas habilidades, experiências, formações e qualidades.

Um currículo ou portfólio bem feito é sempre respeitado por entrevistadores e pode ser a primeira imagem bem construída que você terá com a empresa.

Então primeiramente é recomendável ter um currículo atualizado SEMPRE, com todas as informações a respeito da sua formação acadêmica, das suas experiências profissionais na área e todos os dados básicos pessoais que interessem como telefone, carteira de habilitação, idade e endereço.

Em caso de ser uma área que exige muito mais um portfólio do que um currículo, ou seja, áreas mais ligadas ao visual e que levam em consideração suas conquistas e projetos realizados muito acima da formação acadêmica, por exemplo, capriche no visual, pois isso é ainda mais importante do que para um currículo.

Apesar das muitas diferenças entre o que é o melhor para cada profissional e área de atuação, a melhor dica é: procure exemplos de profissionais que são atuantes na área e se baseie nele. Use templates e sites que criam currículos organizados com as informações apresentadas.

Vagas abertas em outras cidades

Consulte os links, abaixo, para conferir vagas de emprego abertas em outras cidades e as peculiaridades que cada município tem na contratação de mão de obra:

Vagas de Emprego 2020

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content